segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Orós- 1977- Fagner

Orós é o quarto álbum de estúdio do cantor, compositor e instrumentista cearense Raimundo Fagner lançado pelo selo CBS em 1977. O nome Orós refere-se a cidade natal do compositor que fica Centro-Sul do estado do Ceará, onde Fagner passou boa parte de sua infância.

O disco retrata o bucolismo interiorano, à dureza das raízes pessoais, o drama da seca e o medo da chuva. O disco é um mergulho em suas origens interioranas, passeando pela linguagem peculiar nordestina e uma ênfase à sonoridade brasileira.

Os arranjos foram feitos pelo maestro alagoano Hermeto Pascoal,

Faixas:
"Cinza"
"Flor da Paisagem"
"Esquecimento"
"Romanza"
"Epigrama No. 9"
"Cebola Cortada"
"Orós"
"Fofoca"
Músicos:
Raimundo Fagner (violões)
Robertinho de Recife (guitarras, violas)
Itiberê (baixo)
Paulinho Braga (bateria, percussão)
Aleuda (percussão)
Chico Batera (percussão)
Serginho (conga)
Nivaldo Ornellas (sax)
Márcio Montarroyos (trumpete)
Claudio "Cacau" de Queiroz ( Flauta)
Zé Carlos (Flauta)
Dominguinhos (acordeon)
Meireles (flauta)
Mauro Senise (Flauta)
André Dequech (violiono)
Hermeto Paschoal (piano, percussão)
Arranjos: Hermeto Paschoal
Direção artística: Jairo Pires