sábado, 20 de janeiro de 2018

Túlio Borges - Paraty (vídeo e letra)

Foi amor à primeira vista
Um condor quem me deu a pista
Me mudei pra Paraty pra perto dela
E morei os meus olhos nela
Não é paixão, não é, rapaz
Não é o prazer que ela me traz
Tudo isso é muito bom
Mas ela tem algo mais

Algo mais que me traz paz
Coisa que nada no mundo faz
Trazer paz pra um coração
Que sofreu, se roeu, remoeu
Que já morreu do amor demais
Já deixou de existir
E sumiu, desistiu, se mudou
Se mandou pra não voltar
No fim do fosso ficou
Um condor que te viu me mostrou
E me trouxe para ti, pro Brasil, pra cantar

Eu gosto dela porque ela é verde-amarela
Porque fora e dentro dela ela é ela