quarta-feira, 28 de março de 2018

Cristina Motta - Outra manhã (vídeo e letra)

Enquanto juntava os restos,
Catava os cacos como um flagelo,
Você chegou.
Enquanto trancava as portas
Do casarão, meu coração
Você entrou.
Enquanto me atormentava
Pensando em guerras,
Por outras terras
Você me levou.
Enquanto morria a tarde
Você surgia, estrela guia,
Me iluminou.
Quando te quis foi tão claro
que nem percebi
Fiquei ali e ainda estou.
Tudo era seca e queimada
por dentro de mim
Como jasmim por sobre a mágoa
Você brotou.
Anjo de luz,
Filha de Iansã,
Rompe essa treva,
Me leva pra outra manhã.